JERRY: Um filtro para fornecer água limpa e segura

JERRY: Um filtro para fornecer água limpa e segura

De acordo com a Organização Mundial de Saúde, 780 milhões de pessoas em todo o mundo não têm acesso a água potável. Água potável insegura, disponibilidade inadequada de água para higiene e falta de acesso a saneamento contribuem para cerca de 88% das mortes por doenças diarreicas.

Sabemos que essa é uma questão que faz parte de um problema muito maior, mas existem mentes inovadoras ao redor do mundo buscando a solução de parte desse problema, com invenções que podem causar um impacto positivo na vida de pessoas que precisam enfrentar esses desafios diariamente. Duas dessas mentes são Olivier de Gruijter, do Studio Forhemany, e o desenvolvedor de negócios Eise Van Maanen. Juntos, eles criaram o JERRY, um filtro de água autolimpante feito especificamente para caber em galões.

A otimização técnica do JERRY foi realizada em colaboração com o corpo docente de Design de Produto da Universidade Técnica de Delft (Holanda). O dispositivo é pequeno e de baixo custo, e foi criado para fornecer água potável para pessoas que vivem em situação de vulnerabilidade hidrossocial. 

“Desenvolvemos um filtro de água que permite que as pessoas limpem a água diariamente de uma forma simples”, diz Olivier, designer de produto e fundador do Studio Forhemany.

Uma vez conectado a um galão, o JERRY funciona como um filtro e uma torneira para água potável. O dispositivo possui dois filtros, eliminando mais de 99,999% das bactérias e parasitas, e mais de 99,9% dos vírus da água. Para encher um copo, basta acionar o JERRY duas vezes e não há necessidade de investir muita força, o que permite que crianças pequenas e idosos filtrem a água com facilidade.

Enquanto a maioria dos filtros de água são integrados em grandes tanques, o JERRY pode ser inserido em um simples galão. Isso elimina a necessidade do transporte de contêineres volumosos, reduzindo o custo logístico necessário para levar água limpa a quem mais precisa.

O dispositivo contém um mecanismo de autolimpeza, que limpa automaticamente os filtros a cada curso da bomba. Este sistema garante que o produto seja mantido continuamente sem procedimentos complexos de limpeza, otimizando a vida útil do filtro (estimada de mais de 10.000 litros de água).

Atualmente, o projeto faz parte de um piloto das ONGs Oxfam Novib e da Cesvi, onde 130 protótipos serão testados durante um período de seis meses em um campo de refugiados no Iraque. Nos próximos 5 anos, o Studio Forhemany pretende levar água potável a um milhão de pessoas.