Fundação Signify e prefeitura de São Paulo levam projeto de iluminação LED para Paraisópolis

Fundação Signify e prefeitura de São Paulo levam projeto de iluminação LED para Paraisópolis

A Fundação Signify, em colaboração com a Prefeitura de São Paulo e a União dos Moradores de Paraisópolis, criou uma iniciativa para melhorar o bem-estar e a segurança dos moradores da comunidade com a instalação de iluminação LED. Como parte do projeto “Ilumina Paraisópolis”, mais de 190 lâmpadas LED foram instalados em áreas estratégicas da comunidade que abriga mais de 100 mil pessoas e que é a 2ª maior de São Paulo. O projeto é fruto da parceria entre a fundação, ONG e a gestão pública, por meio do Departamento de Iluminação Pública, e tem como objetivo auxiliar a vida das pessoas e reforçar o potencial transformador da iluminação.

Além disso, “Ilumina Paraisópolis” ajuda a promover o desenvolvimento social e econômico em meio ao atual contexto de isolamento social. Estima-se que mais de 25 mil pessoas são impactadas diretamente pelo projeto, transformando totalmente os locais, com vias iluminadas, para que os moradores possam transitar pela região — seja para ir ao trabalho, escola ou lazer, e para que os comerciantes possam estender o horário de funcionamento dos seus estabelecimentos, gerando mais renda e ampliando a oferta de empregos.

“Esta iniciativa da Signify tem um papel muito significativo para a população que vive em Paraisópolis, pois hoje testemunhamos o processo de transformação de uma favela em um bairro. Com as instalações das luminárias, feitas nos locais indicados pelos próprios moradores, nós que vivemos aqui podemos transitar com mais segurança e viver melhor, o que significa um impacto positivo para a região, tanto socialmente como economicamente falando”, comenta Gilson Rodrigues, líder comunitário de Paraisópolis.

“Para a Signify, o projeto Ilumina Paraisópolis se tornou um importante case mundial que exemplifica positivamente como a priorização da iluminação pode ser um fator determinante na hora de pensar políticas para a população”, explica Sergio Costa, presidente da Signify Brasil. “Esse investimento reforça o compromisso da companhia em levar ao público brasileiro uma iluminação de qualidade, sustentável e que faça diferença real no dia a dia das pessoas”.

Dentre os pontos iluminados pelo projeto está o acesso ao Pavilhão Social, importante centro de apoio à população mais carente durante o período de enfrentamento à pandemia de Covid-19 e que contou com a distribuição de comida e produção de máscaras artesanais. Outro importante local beneficiado pela iniciativa é o Bistrô Mãos de Maria, localizado no coração de Paraisópolis, espaço de apoio ao empoderamento feminino por meio de capacitação gastronômica e de impacto social graças ao projeto “Horta na Laje” para o plantio e colheita de alimentos.

Fundação Signify e prefeitura de São Paulo levam projeto de iluminação LED para Paraisópolis

“A iluminação para o nosso Bistrô representa muito porque antes, quando não tinha iluminação, nós não podíamos funcionar à noite. A gente perdia um grande público que gostaria de frequentar o espaço, mas era impedido pela falta de uma iluminação adequada. Hoje o local está iluminado e temos a oportunidade de gerar mais renda e contratar mais mulheres. Com isso a comunidade ganha muito, pois é um espaço seguro para a família e está aberto para as pessoas que gostam de provar uma comida gostosa aos finais de semana e durante a noite”, comenta Elizandra Cerqueira, Empreendedora Social responsável pelo Bistrô Mãos de Maria em Paraisópolis.

Leia também: Papilio: Uma luminária urbana movida a energia eólica

A Viela das Artes foi outro local da favela que recebeu iluminação e é uma das principais ruas de acesso para circulação dos moradores. “Anteriormente as pessoas precisavam utilizar uma lanterna porque ficava muito escuro durante a noite. A iluminação da viela, por ser um ponto artístico, além de despertar um olhar das pessoas que passam por ali, pode também trazer eventos culturais como saraus e batalhas de rima”, comenta Givanildo Rodrigues, Produtor Cultural e morador de Paraisópolis.

Signify Foundation: 6 milhões de vidas iluminadas

Em um mundo onde mais de um bilhão de pessoas não têm acesso à energia elétrica, a iluminação é um sonho distante para muitos. Segundo comunicado, “a Signify Foundation está empenhada em acabar com esse desequilíbrio, permitindo fácil acesso às soluções de iluminação sustentável para comunidades carentes em toda a América Latina, África, Sudeste Asiático, entre outras regiões.”

Por meio dos projetos e programas executados em 2020, 994.184 vidas foram iluminadas com tecnologia sustentável e 9.276 pessoas receberam treinamentos técnicos e/ou de negócios. No total, a fundação já iluminou mais de 6 milhões de vidas.

De acordo com a fundação, a Signify continua apoiando a comunidade local por meio de iniciativas que visam ajudar as pessoas em um momento em que elas já são vulneráveis, o que só aumentou com a pandemia COVID-19. Para apoiar as pessoas de baixa renda, que estão vivendo em condições mais adversas, além do projeto ‘Iluminar Paraisópolis’, doou diversos materiais de acordo com as necessidades que os próprios moradores relataram. Isso incluiu a entrega de mesas, frigideiras, botijões de gás, entre outros.