O futuro da economia compartilhada: Cenário de oportunidades para crescimento

Que a economia colaborativa ainda precisa evoluir muito, isso não resta dúvidas. Mas qual serão os próximos passos? Pensando na resposta, a Mastercard apresentou durante a Money 20/20 Europe, o maior evento de fintechs da Europa, o relatório “A Economia Compartilhada: Compreendendo as Oportunidades de Crescimento”. O whitepaper da empresa investiga os detalhes do ecossistema socioeconômico que capacita as pessoas a compartilhar alojamento, transporte, compra ou venda de bens, serviços profissionais sob demanda e compartilhamento ou aluguel de bens.

“Este relatório foi projetado para nos ajudar a entender as oportunidades e os desafios de hoje e nos ajudar a desbloquear o potencial desse fenômeno de crescimento rápido. Ele não só aborda os desafios que a economia compartilhada enfrenta, como fornece soluções tangíveis a tais desafios e esclarece o futuro dessa economia empolgante e de rápido crescimento.” afirma Mark Barnett, Presidente da Mastercard GB & Irlanda.

Ainda de acordo com Barnett, “a economia de compartilhamento está experimentando um nível de crescimento extraordinário, transformando a forma fundamental que as indústrias operam e que as pessoas experimentam uma variedade de coisas”.

O futuro da economia compartilhada: O cenário de oportunidades para crescimento

O estudo identificou três temas inter-relacionados onde as mudanças futuras impactarão a economia de compartilhamento.

Melhor confiança e transparência

Já havíamos falado sobre o fator confiança no nosso sétimo podcast, “A confiança em estranhos e a evolução da economia colaborativa”. A confiança continua a ser o facilitador crítico da economia compartilhada e tem o potencial de crescer, à medida que o setor expande e as pessoas ficam mais confortáveis com a grande variedade de produtos e serviços que a economia compartilhada alcança.

Mas a confiança só pode ser realmente conquistada com melhorias em tecnologia e através de avanços na abordagem regulatória e sofisticação da classificação peer to peer (as notas de motoristas do Uber, por exemplo).

À medida em que a sociedade se adapta a novos modelos de comércio, a regulação e os negócios precisarão se unir para passarem de uma postura reativa à proativa, protegendo melhor os consumidores, os provedores e as plataformas. Isso proporcionará tanto uma rede de segurança social, como também criará maior valor para todos os participantes.

A evolução da experiência e o feedback do consumidor

Uma experiência de usuário aprimorada é vital para o crescimento e a expansão da economia de compartilhamento e é o que os líderes precisam conseguir para engajar seus clientes, desenvolver mais e manter a legitimidade.

Para fazer isso, as plataformas devem assumir o feedback do usuário, fornecer transações sem conflitos e seguras, e entender a importância e o controle de dados pessoais, a fim de permitir que o indivíduo tenha maior controle. Paralelamente aos avanços tecnológicos, nunca devemos perder o lado humano.

Acesso ao valor e segurança

Conforme novas formas de acesso surgem, maior valor será entregue aos consumidores e às organizações. Este acesso será movido pela tecnologia, que revela novo valor através do aumento do uso e da redução de custo de acesso.

Exemplos disso incluem blockchain (tecnologia utilizada para registrar todas as transações bitcoins de forma pública), internet das coisas (IoT) e inteligência artificial, que se usados totalmente, podem impulsionar a mudança de estática para ativa: quanto mais objetos e pessoas se interconectam, a oportunidade de compartilhar e se beneficiar do acesso aumenta.

A Ucrânia, por exemplo, deve começar testes de um novo sistema de terras baseado em blockchain. O objetivo é eliminar as fraudes em propriedades de terra. Explicando de forma leiga, o blockchain é um banco de dados que registra cada transação de forma permanente e à prova de violações.

O relatório completo (em inglês) pode ser baixado aqui.

___

Gostou do texto e quer fazer parte da nossa comunidade? Envie uma sugestão de pauta, um texto autoral ou críticas sobre o conteúdo para contato@inovasocial.com.br

Receba conteúdo exclusivo

Para não perder os próximos conteúdos do InovaSocial e receber materiais exclusivo em seu e-mail, assine agora a nossa newsletter.
Insira o seu e-mail