Programa de Aceleração de Impacto Social (PAIS) abre inscrições para ONGs de todo o país

O Programa de Aceleração de Impacto Social (PAIS); uma iniciativa do Instituto Bancorbrás, Instituto BRB, Instituto Sabin e Sicoob Planalto Central, em parceria com a Phomenta; chega a sua 4ª edição com 12 vagas para ONGs de todo o Brasil. Desenvolvido com o objetivo de fortalecer a gestão e captação de recursos das organizações da sociedade civil, o programa já acelerou mais de 60 organizações de diversas regiões do Brasil nos últimos três anos.

Gratuito e 100% online, o PAIS busca organizações com orçamento anual de até R$ 2,5 milhões e que desejam diversificar as formas de captação de recursos; profissionalizar a gestão de equipes; atrair mais voluntários e saber como e onde priorizar. As inscrições estão abertas no site do programa e encerra no 17 de maio.

O formato online visa um programa composto por 5 módulos, onde serão feito encontros com discussões entre as organizações participantes e orientações sobre o uso de ferramentas práticas. Além disso, um acompanhamento individual é feito por um agente da Phomenta, focado no desenvolvimento da organização. No total, serão 6 meses de captação, de junho a novembro de 2021, contabilizando 16 horas mensais.


Ouça abaixo o podcast: “Phomenta e a aceleração de ONGs no Brasil”


Segundo o projeto, “além de desenvolver temas essenciais para a sustentabilidade de uma organização no terceiro setor brasileiro, o PAIS 4ª edição abordará temas que apoiem a adaptação neste cenário incerto que estamos vivendo.” Durante a edição 2020, por influência do PAIS e com a ajuda das ferramentas que foram compartilhadas,, as organizações participantes conseguiram captar mais de R$ 800 mil e alcançaram mais de 90 parcerias.

“O programa criou possibilidades de apoio mútuo por habilidades e iniciativas/projetos de outras OSCs, como foi o caso do botão de doação no site institucional. O programa abriu, especialmente, nosso horizonte e aprendizado para a diversificação de receitas, que antes estava restrita a poucas frentes”, afirma a Associação Supereco de Integração Ambiental e Desenvolvimento da Criança.

Deixe uma resposta

Assine nossa newsletter!

Para conferir em primeira mão os conteúdos do InovaSocial em seu e-mail, assine agora nossa newsletter.
Insira o seu e-mail