Parlamento Jovem Brasileiro inicia etapa de audiências virtuais

Parlamento Jovem Brasileiro inicia etapa de audiências virtuais

Os estudantes que integram a edição 2020 do Parlamento Jovem Brasileiro começam nesta segunda-feira (15), a participar de audiências públicas para debater os temas: “Combate ao racismo e preconceitos” (15/3); “Adolescentes do sistema socioeducativo: Desenvolvimento cívico e emocional” (19/3); e “Moradias populares e pessoas em situação de rua” (22/3). Confira todo o calendário e o link para participar das audiências neste link.

Os assuntos foram escolhidos pelos próprios participantes do programa. Após as audiências públicas, iniciará a etapa das reuniões de comissões, entre os dias 5 e 23 de abril. A plenária final está marcada para 30 de abril, também em modo virtual.

Nas audiências, eles discutirão com especialistas as possibilidades e dificuldades encontradas para a implementação de políticas públicas que visem soluções para os problemas sociais selecionados. Pela primeira vez, a sociedade poderá contribuir para as deliberações do Parlamento Jovem Brasileiro, por meio da ferramenta Audiências Interativas e do Wikilegis, sistema colaborativo de propostas legislativas desenvolvida pela Câmara dos Deputados, na plataforma do e-Democracia.

Leia também: Qual a diferença entre deputados, senadores e governadores?

Desde 2013, o Parlamento Jovem Brasileiro tem proporcionado uma semana de vivência presencial para 78 estudantes do Ensino Médio que, a convite da Câmara dos Deputados, simulam as atividades parlamentares nas comissões temáticas e no plenário principal da Casa.

Contudo, por conta da suspensão das aulas em todo o Brasil, das restrições de contato social e da limitação do acesso às dependências da Câmara por tempo indeterminado, devido à pandemia, a edição do ano passado sofreu mudanças no calendário de atividades e na dinâmica das etapas.

Como forma de contornar a impossibilidade de atividades presenciais, o planejamento foi refeito para que as etapas do projeto se realizassem virtualmente, por meio das plataformas de ensino a distância ELEVE e PJB Participe. Lá estão disponíveis informações de todos os deputados jovens e dos projetos de lei que apresentaram.

Os jovens deputados da edição de 2020 iniciaram participação em outubro e, desde então, vivenciaram a experiência de criar um partido político a partir de um conjunto de ideias; escolher seus líderes e vice-líderes; além de analisar um projeto de lei como relatores nos aspectos de mérito, constitucionalidade e adequação orçamentária. Todos tiveram aulas virtuais interativas para aprender como funciona o processo legislativo e sua dinâmica política, o papel dos partidos políticos na democracia, entre outras atividades.

Imagem Destaque: Pablo Valadares/Câmara dos Deputados