Escritório do futuro: como serão os edifícios comerciais após a pandemia

Após passar meses trabalhando de casa, voltaremos para escritórios que precisam ser diferentes do que os que deixamos para trás no começo da pandemia. A Fast Company, em parceria com a Siemens, projetou um infográfico que demonstra como serão os espaços de trabalho do futuro: mais funcionais e mais seguros.

Do chão ao ar, confira abaixo como será o escritório pós pandemia.

Zona livre de doenças

Oferecer aos funcionários uma sensação de segurança começa com políticas mais rígidas em relação à transmissão de doenças, incluindo uma checagem na entrada. A triagem de temperatura automatizada na chegada dos funcionários garantirá uma força de trabalho saudável no escritório. Além disso, tecnologias também podem realizar a análise de nível de contato e a análise automática de dados em tempo real poderá enviar solicitações de sanitização para limpeza de espaços usados.

Sem toques

No escritório do futuro, a tecnologia sem toque é um dos pontos principais. Botões de elevador, interruptores de luz, controle de acesso e painéis inteligentes para reserva de salas serão substituídos por tecnologia sem toque gerenciados através de smartphones. É uma camada digital que estimula a produtividade e, ao mesmo tempo, cria uma experiência de trabalho segura.

Fazendo check-in

Reconstruir a confiança na infraestrutura do escritório requer mais do que apenas marcadores de distância. À medida que mais pessoas voltam ao local de trabalho e a densidade se torna menos previsível, a capacidade de pré-reservar as mesas e os espaços torna-se crucial. Uma tecnologia que permite que os funcionários sinalizem ao restante do escritório sua chegada e partida de locais pré-reservados se tornará uma norma, por motivos de segurança e conformidade, permitindo a liberação automática de espaços reservados em caso de não comparecimento. Notificações em tempo real poderão manter os funcionários informados sobre as mudanças mais recentes.

Área de trabalho móvel

Como muitos continuam trabalhando em casa, o escritório possivelmente se tornará uma opção e não uma obrigação (e isso também foi discutido no episódio #56 do podcast do InovaSocial). Ainda assim, o espaço físico do escritório deve atender às necessidades individuais, seja para colaboração ou para um trabalho individual que exige foco e concentração. A densidade nos espaços de trabalho mudará diariamente – ou até mesmo em diferentes momentos de um único dia. Para acomodar equipes diferentes e garantir que o distanciamento físico seja possível, um investimento em tecnologia adicionará inteligência e permitirá decisões baseadas em dados para criar uma experiência fluida para os funcionários.

Otimização do sistema de ventilação e ar-condicionado

A ventilação é um elemento crucial para impedir a propagação de doenças como a COVID-19. Antes do retorno dos trabalhadores, os sistemas de aquecimento, ventilação e ar-condicionado devem ser higienizados – e o uso da luz ultravioleta é altamente recomendado nesse processo. A temperatura e a umidade do edifício deverão ser otimizadas para mitigar o contágio e reduzir o uso de energia.

Assine nossa newsletter!

Para conferir em primeira mão os conteúdos do InovaSocial em seu e-mail, assine agora nossa newsletter.
Insira o seu e-mail