Estações de carregamento de veículos elétricos unem arte, inovação e sustentabilidade

Estações de carregamento de veículos elétricos unem arte, inovação e sustentabilidade

Arquitetura, arte e elementos funcionais fazem parte da paisagem urbana; mas, na maioria da vezes, em pontos separados no mesmo ambiente. Ao mesmo tempo que a arte pode estar em espaços públicos para ser admirada pelos cidadãos, a arquitetura também pode ser visualmente atraente. A tecnologia é vista em toda a cidade, mas muitas vezes ela toma uma forma não muito especial para se olhar.

Pensando em fundir esses elementos, o artista e arquiteto norte-americano Michael Jantzen criou a série “The Public Art Electric Charging Stations”, com objetivo de combinar design, arte e inovação em dispositivos úteis para a comunidade e que, ao mesmo tempo, possam compor a paisagem do local em que estiverem inseridos.

São estações de carregamento de veículos elétricos que também têm a capacidade de proporcionar aos usuários uma experiência multissensorial. Embora a estação de carregamento seja uma necessidade funcional, os Michael espera que suas instalações aumentem a conscientização e inspirem os consumidores a converterem os veículos à base de petróleo em carros elétricos.

Cada uma das cinco propostas para estações de carregamento recebeu um nome descritivo e um design exclusivo. A Silver Solar Charging Station, a Black Waves Solar Charging Station e a Red Solar Charging Station apresentam, em cores diferentes, grandes folhas de aço ondulado nas laterais de uma estrutura que suporta um grande painel fotovoltaico. Uma das críticas aos veículos elétricos é que as estações de carregamento ainda retiram energia da rede, que frequentemente é produzida pelos mesmos combustíveis fósseis que os proprietários desses veículos esperam reduzir. Essa solução carrega a estação por meio de energia solar e a transmite para as conexões dentro da estrutura ou armazena energia em baterias até que seja necessário utilizá-la. O teto também oferece proteção contra fenômenos meteorológicos severos, enquanto o veículo carrega.

Já a Yellow Solar Charging Station, é composta por um material diferente, com uma cúpula amarela construída usando um composto de concreto ecológico. Também movida a energia solar, a estrutura opera por meio de uma série de painéis solares redondos instalados na parte superior da cúpula.

Por fim, a Solar Wind Charging Station é o único componente do projetos que e aberto e não possui uma cobertura. Os proprietários de veículos elétricos podem dirigir ao lado da estação para carregar seus veículos. Este é o único projeto com recursos de energia eólica além da solar.

Atualmente, este é um projeto em estágio inicial, que ainda não começou a ser construído, mas sem dúvidas é uma ideia interessante para compor a paisagem urbana, unindo arte, inovação e sustentabilidade em um único lugar. Confira mais imagens a seguir: