Elon Musk anuncia nova geração de telhas solares

Finalmente uma boa notícia envolvendo Elon Musk. O bilionário e executivo da Tesla, apresentou na última semana (25) o novo modelo de telhas solares da empresa. Digo “finalmente uma boa notícia”, porque o nome de Musk tem aparecido nas notícias, quase sempre atrelado a alguma ação negativa. Do processo de difamação, movido pelo mergulhador Vernon Unsworth (envolvido no resgate dos garotos tailandeses em julho de 2018), passando pelas quedas das ações da Tesla, o bilionário não tem tido bons momentos ultimamente. Ao mesmo tempo que Musk é visionário, ele também parece não ter limites em suas declarações (principalmente via Twitter) e isso acaba gerando impactos negativos nas empresas dele.

Voltando às telhas, Musk afirmou que a segunda geração da Solar Glass Roof (telhas solares da Tesla) tinha como objetivo “tentar não perder dinheiro” em cada instalação. Segundo o executivo, a geração anterior tinha problemas, não só na instalação – que acabou gerando incêndios em lojas do Walmart e em um depósito da Amazon, em Redlands, na Califórnia -, como também no desempenho.

O novo modelo nem é tão novo. Ele é o mesmo apresentado em 2016, mas agora será efetivamente comercializado. Segundo Musk, é a primeira versão da Solar Roof que ele se sente confortável em produzir em escala, graças ao design simples e a necessidade do uso de menos peças na fabricação.

Elon Musk anuncia nova geração de telhas solaresFabricadas pela Gigafactory 2 da Tesla, em Buffalo, NY, o modelo conta com acabamento em vidro temperado – que, segundo a empresa, as torna três vezes mais resistentes – e um preço de instalação menor do que a versão anterior (entre 34 a 44 mil dólares), o modelo tem 25 anos de garantia e pode gerar até 10kW por dia em uma área com 185m². Ainda segundo a empresa, o objetivo é instalar 1 mil telhados por semana nos “próximos meses”.

Apesar de Musk afirmar que “no futuro, será estranho os telhados não gerarem energia”, ele também afirma que as novas telhas só “fazem sentido financeiro para novas casas ou a reposição completa de telhados.”Ele orienta o consumidor que, caso o telhado esteja em boas condições, a melhor alternativa é seguir com os painéis solares padrões.

Se o modelo anterior tinha como objetivo não perder dinheiro, é bom que a nova versão renda alguns trocados para a Tesla e o próprio Musk. Segundo ele, em um testemunho juramentado no dia 14, o bilionário afirmou que teria “pouco patrimônio líquido” e que ele seria “financeiramente ilíquido”, ou seja, não teria dinheiro para pagar os US$ 75 mil pedido no processo de Vernon. A situação não é mentira. Atualmente, Musk vale cerca de US $ 23,6 bilhões e uma maioria substancial de sua riqueza está em forma de ações da SpaceX (US $ 14,6 bilhões) e Tesla (US $ 8,8 bilhões), de acordo com a Bloomberg.

No Brasil: Energia solar obrigatório em edifícios públicos

Se no exterior, Musk busca compradores para as telhas solares, no Brasil, o governador do Espírito Santo, Renato Casagrande, assinou recentemente um decreto que institui a obrigatoriedade da instalação de equipamentos para captação de energia solar em novas edificações estaduais. A lei também vale para instalações construídas com recursos do Estado repassados aos municípios por meio de convênios, acordos ou termos de compromisso.

De acordo com o decreto, a Administração Pública poderá empregar outros meios de utilização da energia solar, quando não for possível a utilização de instalação de placas fotovoltaicas no local da edificação. Isso inclui a possibilidade do autoconsumo remoto, ou seja, quando a energia gerada por um sistema fotovoltaico instalado em um local pode ser utilizada para reduzir a conta de energia de outro local completamente diferente.

Receba conteúdo exclusivo

Para não perder os próximos conteúdos do InovaSocial e receber materiais exclusivo em seu e-mail, assine agora a nossa newsletter.
Insira o seu e-mail