Saiba mais sobre a loja da NBA adaptada para receber consumidores autistas

Para muitos amantes de esportes, não existe melhor coisa do que ver seu time jogar de pertinho. Seja em um estádio de futebol ou em um ginásio, para assistir a um jogo de vôlei ou de basquete, participar de um evento esportivo é algo que enche os olhos de milhões de pessoas em todo o planeta. Mas não é todo mundo que consegue viver essa experiência de forma positiva. Para pessoas com autismo ou com estresse pós traumático, por exemplo, o barulho e toda a movimentação de um estádio ou ginásio pode desencadear em um ataque de pânico repentino de assustador.

Levando isso em consideração, a NBA (principal liga de basquete profissional da América do Norte), se juntou à KultureCity, ONG que trabalha para tornar os espaços públicos mais amigáveis e acessíveis para as pessoas com autismo, para fazer com que a Loja da NBA, em Nova York, se tornasse mais confortável e acessível para os consumidores com sensibilidade sensorial.

loja-nba-autismo-inovasocial-inovasocial-01

A loja oferece bolsas com fones de ouvido com cancelamento de ruído, fidget spinners e cobertores pesados, e muito mais, para famílias e pessoas que precisarem dessas ferramentas. E, caso alguém precise sair da loja rapidamente, existem saídas especiais distribuídas por toda loja. Além disso, como o autismo um transtorno de desenvolvimento que muitas vezes não é percebido em um primeiro momento, os funcionários da loja também são treinados para conseguir identificar e auxiliar da melhor forma os consumidores com necessidades sensoriais especiais.

As adaptações feitas na loja são apenas uma parcela de um projeto mais amplo da NBA, que está sendo desenvolvido em parceria com a KultureCity, para fazer com que todos os espaços públicos da liga sejam acessíveis. Os estádios e arenas foram equipados com espaços tranquilos para as pessoas e famílias que querem ficar longe dos ruídos e luzes, os membros da equipe distribuem “bolsas sensoriais” que são equipadas com fones de ouvido com cancelamento de ruído e outras ferramentas que ajudam alguém com problemas sensoriais a lidar com o ambiente carregado de estímulos.

Para Julian Maha, fundador da KultureCity, a missão ONG é pessoal. Seu filho é autista, e a dificuldade de encontrar espaços onde o ele se sentisse seguro e feliz fazia com que a família ficasse apenas casa, o que parecia incrivelmente injusto para Julian.

loja-nba-autismo-inovasocial-inovasocial-02

“Quantas vezes você foi a um restaurante e notou uma pessoa com deficiência sensorial? O fato de você não ver essas pessoas em locais públicos mostra que elas não se sentem bem-vindas nesses espaços.”

Mas Julian também vê que, através da KultureCity, pequenas mudanças podem ser um grande passo para se fazer um jogo de basquete, restaurante ou uma loja um lugar onde uma pessoa com autismo ou TEPT possa se sentir muito mais confortável.

A Loja da NBA Store em Nova York fica 5ª Avenida, nº 545.

__

Gostou do texto e quer fazer parte da nossa comunidade? Mande uma sugestão de pauta, um texto autoral ou críticas sobre o conteúdo para contato@inovasocial.com.br.

Receba conteúdo exclusivo

Para não perder os próximos conteúdos do InovaSocial e receber materiais exclusivo em seu e-mail, assine agora a nossa newsletter.
Insira o seu e-mail