iDEXO abre inscrições para seus programas de inovação

O iDEXO, instituto de inovação da TOTVS inaugurado em setembro deste ano, anunciou a primeira chamada a startups, desenvolvedores e empreendedores para o seu programa de inovação StartupX, que tem a missão de transformar desafios de negócios em soluções exponenciais e conectá-las ao mercado. Criado no formato de plataforma aberta, o instituto consolida o mais novo e completo ecossistema de inovação do país, com o diferencial de ter, na sua fase prática, uma grade ampla de conteúdo aplicado, abrangendo ideação, design thinking, temas técnicos, como: linguagem e códigos, coaching, direcionamento de negócios, mentoria interna e de mercado, além de desafios periódicos aos quais os selecionados são submetidos.

“Trata-se de uma oportunidade única para quem quer evoluir boas ideias ou projetos e avançar em planos de negócios. No iDEXO, o conhecimento acontece a cada minuto, pois oferecemos um ambiente rico em estímulos e com conteúdo intensivo. Não é coworking. É aprendizado e inovação na veia, por meio da conexão entre empresas já consolidadas de mercado com novos empreendedores!”, destaca Gustavo Torres, diretor geral do iDEXO.

Aberto a ideias inovadoras e de diferentes segmentos, o StartupX tem duração de 12 semanas e procura startups e desenvolvedores que queiram resolver desafios do mercado. Para se candidatar, é preciso enviar um texto descrevendo o projeto ou quem é você, para o que está direcionado a sua proposta e como ela funciona na prática. O diferencial é que serão aceitas startups (times já compostos) ou empreendedores individuais.

As inscrições ficam abertas até 14 de janeiro de 2018 no site do instituto e a divulgação dos semifinalistas será no dia 17. Em 23 de janeiro, acontece a disputa final, em um evento dentro do iDEXO, com apresentação de pitchs e banca avaliadora. No mesmo dia, os finalistas são anunciados para entrarem no programa, que começa, oficialmente, no dia 29 do mesmo mês, com a primeira turma StartupX do iDEXO.

Segundo o instituto, a jornada do StartupX foi cuidadosamente pensada para que a grade programática fizesse a diferença nos três meses em que recebe os empreendedores. Para isso, diversas áreas serão abordadas, com conteúdo rico e direcionado. Na fase de ideação e design thinking, por exemplo, a Hyper Island, a mais renomada escola do mundo de inovação digital com foco no desenvolvimento do pensamento criativo, vai trabalhar fortemente o mindset e cultura dos selecionados. Em paralelo, o iMasters, referência para profissionais e desenvolvedores da web, vai oferecer aulas técnicas, abordando blockchain, IoT, programação, linguagem e códigos – o objetivo é que os empreendedores saiam do iDEXO sabendo, inclusive, o lado técnico da execução.

Os finalistas também terão workshops e palestras, meetups com referências de inovação, além de mentoria técnica e de negócios da TOTVS, fundadora do instituto, e de outras empresas associadas. Os empreendedores passarão por entregas e desafios periódicos, semanais e quinzenais, de acordo com as áreas de conteúdo. Ao final do programa, a graduação acontece ao estilo “feira de ciências”, com pitchs para que todos apresentem os seus protótipos. De lá, o melhor projeto sairá vencedor e ainda pode haver intercâmbio de investimentos dos próprios associados do iDEXO ou de outras iniciativas de mercado.

Na primeira chamada, serão lançados desafios em duas verticais: Fintechs e Varejo. Estes desafios foram estruturados com o apoio dos associados do instituto, como Banco ABC, Soluti e Visa.

  • Conexão nativa banco/negócios: integração dos serviços do banco ao ERP (crédito, rating e demais análises de perfil do cliente);
  • Mais valor aos clientes: uso de IA (Inteligência Artificial) para análise setorial e estruturada com o objetivo de antecipar necessidades, crises e oportunidades;
  • Onboard digital: solução de identidade digital dos clientes (validação de documentos, informações cruzadas e novos insights);
  • Identity corporativo único: criar uma identidade virtual para empresas com o uso de blockchain (controle, segurança e log de alterações/atualizações);
  • UX – Realidade Aumentada: IoT no PDV e canais digitais, visando redução de custos operacionais (trocas, devoluções, entregas);
  • Experiência on to off no PDV: cliente entra na loja e o pedido já está pré-selecionado de acordo com comportamento on e offline

Aos selecionados, o iDEXO vai disponibilizar infraestrutura e tecnologias (incluindo abertura de APIs), aplicar as mais modernas metodologias globais de mentoria, além de estimular a possibilidade de investimento junto a empresas associadas. O instituto também se destaca pelo seu ambiente – de 1.300 m² -, localizado dentro da nova sede da TOTVS, na Zona Norte de São Paulo. Há estações de trabalho individuais, mesas compartilhadas, espaços para reuniões, um laboratório de Design Thinking próprio, além de espaços para descompressão, descanso e happy hours, incluindo uma máquina de fliperama e mesa de sinuca.

__

Gostou da playlist e quer fazer parte da nossa comunidade? Envie uma sugestão de pauta, um texto autoral ou críticas sobre o conteúdo para contato@inovasocial.com.br

Receba conteúdo exclusivo

Para não perder os próximos conteúdos do InovaSocial e receber materiais exclusivo em seu e-mail, assine agora a nossa newsletter.
Insira o seu e-mail