9 cidades ao redor do mundo que promovem um estilo de vida saudável

Em abril, comemora-se o Dia Mundial da Saúde (mais precisamente, no dia 7); a data é organizada pela OMS e o tema escolhido para 2018 é “Saúde universal: para todos, em todos os lugares”, que tem como objetivo aumentar a conscientização sobre a necessidade de cobertura e acesso à saúde universal e os benefícios que isso pode trazer.

Segundo a OMS, saúde universal é garantir que todas as pessoas e comunidades tenham acesso aos serviços de saúde sem qualquer tipo de discriminação e sem sofrerem dificuldades financeiras. Abrange toda a gama de serviços de saúde, incluindo promoção da saúde, prevenção de doenças, tratamento, reabilitação e cuidados paliativos, que devem ser de qualidade, integrais, seguros, eficazes e acessíveis a todos.

Infelizmente, são alarmantes os números que mostram o quão urgente e necessária é a solução para a falta de acesso a serviços de saúde no mundo todo:

  • Pelo menos metade da população mundial não possui acesso completo a serviços de saúde essenciais;
  • Cerca de 100 milhões de pessoas foram levadas a um estado de extrema pobreza porque precisaram pagar por serviços de saúde;
  • Mais de 800 milhões de pessoas gastaram pelo menos 10% de seu orçamento familiar para pagar por serviços de saúde;
  • 45% das mortes de crianças com menos de 5 anos ocorrem em suas primeiras 4 semanas de vida.

Apesar da realidade triste retratada aqui, algumas cidades no mundo promovem à sua população um estilo de vida saudável e são verdadeiros modelos a serem seguidos. Aqui estão algumas delas:

 

cidades-mundo-saude-inovasocial-02

  • Copenhague, Dinamarca

62% das pessoas que vivem em Copenhague vão para o trabalho de bicicleta todos os dias.

Além disso, com uma jornada de trabalho menor que a exercida na maior parte da Europa e atividades esportivas pagas pelo governo, a capital da Dinamarca é um dos melhores exemplos de como uma cidade saudável deve ser.

 

 

cidades-mundo-saude-inovasocial-08

  • Okinawa, Japão

Nessa cidade, a expectativa de vida é de 84 anos para homens, e aproximadamente 90 anos para mulheres. Seus índices de doenças como câncer, AVC, doença arterial coronariana e depressão estão muito abaixo da média considerada para cidades com economias avançadas.

A população de Okinawa tipicamente come pouca carne vermelha, bebe com moderação e geralmente permanece socialmente conectada à família, principalmente a população idosa.

 

cidades-mundo-saude-inovasocial-01

  • Monte Carlo, Mônaco

Monte Carlo tem o índice de mortalidade infantil mais baixo do mundo, com 1,81 mortes a cada 1.000 nascimentos.

Sua tecnologia aplicada em saúde altamente avançada e alto número de residentes por equipe médica fazem com que o acesso a serviços de saúde de qualidade não seja um problema por aqui.

 

 

cidades-mundo-saude-inovasocial-07

  • Vancouver, Canadá

Vancouver diminuiu em 6% sua taxa de emissão de carbono desde 1990, apesar de ter um crescimento de 30% em sua população e de 18% em seus empregos.

Incentivar a população a deixar de lado de um estilo de vida dependente dos carros também contribuiu para que a cidade tenha um dos ares mais limpos do mundo.

 

cidades-mundo-saude-inovasocial-09

  • Adelaide, Austrália

As fábricas de Adelaide usam muitas práticas sustentáveis, fazendo com que os índices de poluição da cidade sejam mínimos.

Através de elementos como pavimentação, paisagismo, mobiliário urbano e arte pública, Adelaide proporciona às pessoas formas diferentes de se usar o espaço público, o que trará uma série de benefícios positivos para a saúde de todos.

 

cidades-mundo-saude-inovasocial-06

  • Cidade do Cabo, África do Sul

A Cidade do Cabo recentemente vem se tornando a capital do bem-estar da África do Sul, tornando-se um playground costeiro para uma viagem saudável.

Lá, atividades ao ar livre como idas à praia, mergulhos no mar, trilhas em montanhas e yoga são praticadas regularmente, mostrando o quanto os habitantes da Cidade do Cabo levam a sério a busca por uma vida equilibrada.

 

cidades-mundo-saude-inovasocial-05

  • Wellington, Nova Zelândia

33% das pessoas que moram em Wellington se locomovem pela cidade usando ônibus, enquanto o restante da população é adepto das caronas.

Para uma capital, Wellington faz um ótimo trabalho ao fazer com que seus moradores usem transporte público para viajar pela cidade. Isso faz com que os índices de poluição fiquem muito mais baixos quando comparados a cidades do mesmo tamanho (são 200.000 habitantes). A paisagem, sem dúvidas, é um convite para a exploração, fazendo com que os moradores permaneçam ativos enquanto aproveitam uma paisagem incrível.

cidades-mundo-saude-inovasocial-04

  • Havana, Cuba

Apesar de a pobreza ser o maior problema da cidade, coisas simples dão muito certo em Havana. Quase 100% da população tem acesso a vacinas e exames de saúde regulares, fazendo com que a cidade seja uma das cidades mais saudáveis do mundo.

Cada comunidade conta com uma rede de pequenos consultórios médicos próximos de suas casas, onde a população tem acesso livre e gratuito, o que torna mais fácil a prevenção de problemas, antes mesmo que seja necessário se concentrar em soluções e tratamentos.

cidades-mundo-saude-inovasocial-03

  • Reykjavik, Islândia

A cidade promove a conscientização ambiental e possui a menor densidade de carros por quilômetro quadrado do planeta.

Com um alto índice de pessoas ativas e que mantém hábitos alimentares saudáveis, Reykjavik conta com habitantes super saudáveis e em forma. A cidade é movida a energia limpa e a natureza que a cerca faz com que seus habitantes explorem mais atividades ao ar livre, aproveitando a boa energia que vem com todo seu ar fresco e limpo.

__

Gostou do texto e quer fazer parte da nossa comunidade? Envie uma sugestão de pauta, um texto autoral ou críticas sobre o conteúdo para contato@inovasocial.com.br.

Essa publicação foi produzida com base no texto 9 cities from around the world that promote healthy living, do site Responsible Business.

Receba conteúdo exclusivo

Para não perder os próximos conteúdos do InovaSocial e receber materiais exclusivo em seu e-mail, assine agora a nossa newsletter.
Insira o seu e-mail