As previsões da Singularity University até 2038 – Parte II: O futuro

Dando continuidade ao texto “As previsões da Singularity University até 2038 – Parte I: A próxima década” (confira aqui as previsões até 2028), o texto de hoje nos transporta para a década seguinte – de 2030 a 2038 – e nos apresenta as mudanças que este período trará para o mundo, de acordo com o levantamento do dr. Peter H. Diamandis, co-fundador da Singularity University.

Ao contrário de várias previsões pessimistas, que incluem fome e guerras, as previsões da SU mostra uma década de prosperidade e evolução acelerada da raça humana. Com aumento da longevidade e nanorobôs, torcemos para que as previsões estejam corretas. Confira!

2030

Singularity University: O fim do Teste de Turing – A inteligência artificial passa no Teste de Turing, o que significa se igualar (ou extrapolar) a inteligência humana em diversas áreas.
InovaSocial: Não sabemos quais os motivos para a SU marcas 2030 como o ano da virada no cenário de IA, mas sabemos que isso impactará diretamente em tudo que conhecemos. O fim do Teste de Turing não apenas nos obrigará a discutir tecnologia, como direitos e responsabilidades com as máquinas. Será algo como o visto no filme “O Homem Bicentenário”, onde questionamos o que é ser humano.

Singularity University: Aniversário de 200 anos – A humanidade alcança a “Velocidade de Escape da Longevidade” para os mais ricos.
InovaSocial: Muitos pesquisadores acreditam que a primeira pessoa a alcançar a imortalidade já nasceu. De acordo com o gerontólogo de Cambridge e co-fundador da SENS, Aubrey de Grey, as chances disso ter acontecido são de 80%. Há anos discutimos como podemos conter o envelhecimento, mas talvez a questão nos traga outras discussões, que extrapolam o campo da ciência. Se vamos viver mais (ou infinitamente), onde vamos morar? Vamos limitar os nascimentos ou vamos explorar novos planetas? Arrisco em dizer que só podemos pensar em imortalidade, quando nos tornarmos uma raça interplanetária.

Singularity University: Wikileaks Global – As agências de inteligência confirmam que mensagens de internet armazenadas e seguras enviadas entre 1990-2029 foram descriptografadas por processadores quânticos, expondo um acervo de comunicações privadas sem precedentes na história.
InovaSocial: A criptografia tradicional será uma fechadura antiga e obsoleta para os computadores quânticos. Em entrevista para o Valor Econômico, Ulisses Mello, diretor do Laboratório de Pesquisas da IBM no Brasil, afirmou que “qualquer sistema transacional que usa os sistemas de criptografias atuais, como o blockchain ou criptomoedas poderia ser facilmente quebrados por um computador quântico”.

Singularity University: CO2 Free – As emissões de carbono caem rapidamente a cada ano. Um plano global para zerar as emissões de carbono até 2050 é assinado.
InovaSocial: Não sei se um plano global será assinado em 2030, mas a história mostra que estamos caminhando para duas opções, ou zeramos o CO2 no planeta, ou deixaremos ele inviável para a vida.

Singularity University: Fim do petróleo – Várias empresas petrolíferas deixam de existir.
InovaSocial: Com a escassez de petróleo, é lógico que muitas petrolíferas se reinventem ou deixem de existir nas próximas décadas.

Singularity University: Energia para todos – A “pobreza energética” cai em mais da metade em relação a 2017. O acesso à energia elétrica está ao alcance de todas as pessoas.

Singularity University: IA Criativa: Sistemas alimentados por inteligência artificial fornecem soluções criativas para problemas em praticamente todas as áreas.
InovaSocial: Com o fim do Teste de Turing, não é surpresa que isso comece acontecer. No entanto, isso nos levará a discussões mais profundas sobre a criatividade humana, ponto que nos diferencia das máquinas.

2032

Singularity University: Nanorobôs médicos – Dispositivos microscópicos estenderão nosso sistema imunológico.
InovaSocial: Algo em constante pesquisa, os nanorobôs médicos devem virar realidade até mesmo antes de 2032. Mas, ao invés de ser uma coisa incrível, talvez seja uma necessidade para a sobrevivência. Com o surgimento de novas doenças e superbactérias resistentes a todos os antibióticos conhecidos, aumentar o sistema imunológico pode ser uma necessidade para combater uma ameaça global.

Singularity University: Os verdadeiros ciborgues: A maioria dos profissionais humanos já terão sofrido alguma melhoria no córtex cerebral, incluindo coprocessadores e comunicação via web em tempo real.

Singularity University: Novos corpos – Avatares robóticos se tornam popular, permitindo que todos tenham a capacidade de “teletransportar” sua consciência para qualquer lugar no mundo.
InovaSocial: Talvez uma das previsões com mais cara de ficção científica, a possibilidade de transportar a consciência humana para um sistema robótico pode ser mais um passo para a evolução exponencial da raça humana. Particularmente é um das previsões o qual eu sou mais cético.

Singularity University: Robôs por todos os lados – Robôs são comuns em todos os locais de trabalho, eliminando o trabalho manual e com interações repetitivas (por exemplo: recepcionistas, guias turísticos, motoristas e trabalhadores da construção civil).

2034

Singularity University: Cérebro na nuvem – Empresas como a Kernel concluem conexões confiáveis entre o córtex humano e a nuvem.
InovaSocial: Não é só a Kernel que está tentando este tipo de inovação. A Neuralink, do bilionário Elon Musk, é outra que busca conectar o cérebro humano a nuvem. Uma hora vão conseguir!

Singularity University: IA na ciência – Sistemas de inteligência artificial estarão integrados às áreas de ciência e resolverão problemas cada vez mais complexos.

Singularity University: Resolvendo problemas singulares: Muitos desafios, como o câncer e a pobreza, estarão erradicados.
InovaSocial: Se buscamos a imortalidade, resolver doenças mortais e problemas de igualdade talvez sejam essenciais (e básicos).

Singularity University: Robôs companheiros – Robôs atuam como empregadas domésticas, mordomos, enfermeiras e babás, além de apoiarem a independência dos idosos.

2036

Singularity University: Longevidade – Tratamentos de longevidade são rotineiros e cobertos por apólices de seguro de vida, estendendo a vida útil em 30 a 40 anos.

Singularity University: Smart Cities – Cidades inteligentes são produzidas em escala global, além de serem super eficientes e sustentáveis, produzindo alimentos, transporte e com inteligência artificial onipresente.

2038

Singularity University: Uma nova vida – A vida cotidiana é irreconhecível. Incrivelmente boa, a realidade virtual e a inteligência artificial estão presentes em todos os momentos da vida humana.

___

Gostou do texto e quer fazer parte da nossa comunidade? Envie uma sugestão de pauta, um texto autoral ou críticas sobre o conteúdo para contato@inovasocial.com.br

Receba conteúdo exclusivo

Para não perder os próximos conteúdos do InovaSocial e receber materiais exclusivo em seu e-mail, assine agora a nossa newsletter.
Insira o seu e-mail