The Third Thumb Project: O que você faria com um terceiro polegar?

Você já pensou em ter um terceiro polegar? Dani Clode, uma neozelandesa e estudante de Design, sim. E ela foi além: seu projeto de graduação consiste em uma prótese composta por um polegar controlável.

A ideia de Dani foi incentivar as pessoas a olharem próteses de forma diferente, não só como uma forma de suprir uma deficiência, mas também como algo que pode ampliar as habilidades naturais de seres humanos.

Batizado como The Third Thumb (O Terceiro Polegar, em tradução livre), o dispositivo é controlado por movimentos do pé do usuário, que são captados através de sensores de pressão e transmitidos para a prótese via Bluetooth. Essa foi a forma de controle escolhida por Dani pois é uma forma de se explorar as conexões existentes entre nossos pés e mãos, método que já é usado em atividades como dirigir e tocar piano.

third-thumb-terceiro-polegar-dani-clode-01

Nossos polegares podem ser considerados nossos dedos mais importantes, seus movimentos opositores fazem com que o polegar seja muito mais funcional do que os demais dedos. Para replicar o movimento e alcance fornecido por nossos polegares naturais, Dani construiu uma forma composta por impressão 3D; e dois motores puxam o polegar em várias direções, e fazem com que a peça mova suas três dobradiças. Dani pretende produzir mais versões do projeto e acredita que a impressão 3D continue sendo a melhor forma de alcançar um design que possa ser personalizado para caber em mãos de diferentes tamanhos.

Para ver o Third Thumb em ação, assista ao vídeo abaixo:

___

Gostou do texto e quer fazer parte da nossa comunidade? Envie uma sugestão de pauta, um texto autoral ou críticas sobre o conteúdo para contato@inovasocial.com.br

Receba conteúdo exclusivo

Para não perder os próximos conteúdos do InovaSocial e receber materiais exclusivo em seu e-mail, assine agora a nossa newsletter.
Insira o seu e-mail