Aplicativos que visam facilitar a socialização de refugiados em suas novas comunidades

Apesar da crise dos refugiados ser muito conturbada e triste, existem pessoas dispostas a facilitar a socialização destes refugiados nos novos países. A tecnologia tem sido a maior aliada das pessoas que buscam ajudar, e hoje trouxemos ao Inova Social três aplicativos que estão ajudando refugiados a se conectar e criar conexões em suas novas comunidades.

  • Welcome!

Chegar em um novo país pode ser algo muito conturbado. Autoridades públicas podem fornecer abrigo e comida, mas não têm a capacidade de auxiliar com necessidades sociais. O aplicativo suíço Welcome! surgiu para preencher esta lacuna. Com uma navegação simples, a plataforma fornece ao refugiados acesso a informações sobre políticas governamentais, empregos e escolas. Uma função de bate-papo permite que os recém-chegados peçam ajuda aos moradores locais para se instalar, como onde encontrar acesso gratuito à internet. O Welcome! já foi baixado mais de 10.000 e está disponível para Android e iOS.

welcome-app-meetup-tecnologias-sociais-inova-social

  • Refugeye

Os refugiados relataram sentir confusos e isolados quando são novos em um país, especialmente quando não conhecem o idioma local. O Refugeye foi desenvolvido para ajudar os recém-chegados a se comunicar fica pictogramas e desenhos em situações quando as palavras falham, como ao se registrar com as autoridades. Geoffrey Dorne é um designer gráfico de Paris e criou o aplicativo após participar de um hackathon, onde entrevistou refugiados e funcionários da Agência de Refugiados da ONU. O projeto é open-source, ou seja, qualquer pessoa pode contribuir; e está disponível para Android.

refugeye-app-refugiados-tecnologias-sociais-inova-social

  • Refoodgee

Dividir o pão com estranhos há muito tempo é visto como uma maneira de construir conexões dentro de comunidades. Os criadores do Refoodgee querem ajudar os refugiados de Berlim a se sentir em casa, usando o amor pela comida para uni-los com moradores locais. Os recém-chegados à capital alemã podem se registrar, sinalizando quais idiomas eles falam e suas preferências de cozinha, e então são conectados a anfitriões de acordo com o que foi informado no aplicativo. O aplicativo foi criado por um grupo de empresários da área de tecnologia e estes esperam que o invenção torne mais fácil a integração social dos refugiados. Segundo eles, preparar e desfrutar de uma refeição não é sobre o que está no prato, mas sim sobre compartilhar histórias e conhecer pessoas. O Refugeye está disponível para Android.

___
Gostou do texto e quer fazer parte da nossa comunidade? Mande uma sugestão de pauta, um texto autoral ou críticas sobre o conteúdo para contato@inovasocial.com.br

Receba conteúdo exclusivo

Para não perder os próximos conteúdos do InovaSocial e receber materiais exclusivo em seu e-mail, assine agora a nossa newsletter.
Insira o seu e-mail