Samsung lança projeto de educação em parceria com Instituto Paulo Freire

A Samsung, em parceria com o Instituto Paulo Freire, anuncia hoje um projeto de educação com vistas a um futuro sustentável. A iniciativa intitulada “Alfabetização Cidadã – Da digital ao digital”, oferece a pessoas que antes não sabiam ler e usavam as digitais para assinar o próprio nome, um curso de alfabetização associado à formação socioambiental e ao uso de tecnologia, ampliando o acesso ao mundo digital e incentivando os alunos a desafiarem barreiras.

Para transformar a vida das pessoas que trabalham com sustentabilidade, a Samsung oferece, desde outubro, um curso de alfabetização, de oito meses, em parceria com o Instituto Paulo Freire. Ao todo, 300 pessoas de cooperativas que trabalham com descarte de resíduos, em geral, estão sendo alfabetizadas no local de trabalho, com aulas ministradas duas vezes por semana, com duas horas e meia de duração cada, com turmas de até 10 pessoas, com idade média de 30 a 65 anos, porém atendendo pessoas de todas as faixas etárias, que vão dos 18 aos 83 anos.

O projeto tem a chancela e curadoria do Instituto Paulo Freire, entidade que busca combater todas as formas de injustiça, discriminação, violência, preconceito e exclusão através da educação emancipadora, com vistas à transformação social, valores que estão em sintonia com os objetivos da Samsung Brasil.

A Samsung disponibiliza material didático, lanche e vale transporte para incentivar a participação contínua dos estudantes. Além disso, as aulas estão sendo ministradas com apoio de televisores, notebooks e smartphones da marca. Os smartphones doados para os alunos do projeto auxiliam no processo de alfabetização com o aplicativo Palma Escola, da IES2, que combina sons, letras, imagens e relatórios, facilitando o desenvolvimento da aprendizagem.

“A Samsung tem tecnologia, inovação e pessoas como prioridade, por isso se preocupa em oferecer não só produtos inovadores, mas também serviços e benefícios exclusivos, além de programas socioambientais impactantes que ajudam as pessoas a desafiarem barreiras. Queremos abrir as portas do mundo digital para todos, ao mesmo tempo que empoderamos agentes da transformação que contribuem para a criação de um futuro sustentável,” afirma Andréa Mello, Diretora de Marketing Corporativo e de Consumer Electronics da Samsung Brasil. “Com essa iniciativa também queremos chamar a atenção dos nossos consumidores para a importância do descarte consciente e convidamos todos a serem salvadores do nosso planeta.”

Alfabetização Cidadã é uma iniciativa da Samsung, em parceria com o Instituto Paulo Freire, que acredita que a educação é uma ferramenta poderosa para a transformação da sociedade. Além deste projeto, a Samsung conta com outras ações, na área da educação, em Institutos Sociais, que contribuem para o crescimento pessoal e profissional de jovens por meio do esporte. Entre elas está a mais recente parceria com a Fundação Gol de Letra, do tetracampeão mundial de futebol Raí. Além disso, a empresa também colabora, desde de sua fundação, com o Instituto Gabriel Medina, em Maresias, e há 8 anos com o Instituto Vanderlei Cordeiro, em Campinas, ambos em São Paulo. O projeto Teatro para Todos os Ouvidos, que promove a inclusão de surdos, levando-os a uma peça falada pela primeira vez sem a necessidade de um intérprete de Libras através da tecnologia Samsung, também é parte do esforço da Samsung em possibilitar que as pessoas superem seus limites utilizando sua tecnologia.

Outras iniciativas da Samsung na área de educação são o programa “Geração de Futuro”, que já ofereceu mais de 550 horas de treinamento gratuito, com foco em capacitar jovens em situação de vulnerabilidade social para a conquista do primeiro emprego em atividades relacionadas aos direitos do consumidor. E o Programa “Respostas para o Amanhã”, no qual professores e alunos do ensino médio de escolas públicas são estimulados a utilizarem conceitos das Ciências da Natureza e da Matemática aplicados em projetos que visam transformar suas realidades por meio de soluções simples. Podemos mencionar ainda o desenvolvimento de cursos abertos e gratuitos para estimular e tornar acessível o conhecimento sobre Internet das Coisas, através da plataforma Code IoT, além de Laboratório de Criatividade que promove o conhecimento e o empreendedorismo em comunidades vulneráveis. Ações educativas também são estimuladas no Programa de Voluntariado, onde funcionários participam de ações colaborativas na comunidade.

Nos próximos meses, serão lançados filmes sobre a iniciativa, com a história de personagens reais, em processo de alfabetização.

O Instituto Paulo Freire

O Instituto Paulo Freire desenvolve programas de pesquisa e educação continuada, consistindo em quatro áreas de atuação: Educação de Adultos, Educação Cidadã, Educação Popular e Educação em Direitos Humanos. Suas iniciativas são baseadas nos princípios da horizontalidade e da coletividade, usando uma metodologia inclusiva que respeita a diversidade e promove o crescimento da autodeterminação e da autoestima entre os alunos. Em vez de forçar o aluno a se adequar ao sistema tradicional de ensino, a metodologia do Instituto Paulo Freire utiliza elementos do cotidiano da pessoa para conectá-la ao conhecimento e promover o aprendizado, com resultados efetivos.

Receba conteúdo exclusivo

Para não perder os próximos conteúdos do InovaSocial e receber materiais exclusivo em seu e-mail, assine agora a nossa newsletter.
Insira o seu e-mail